terça-feira, 6 de dezembro de 2016

Zé Lins, turismo e auto estima


O Sebrae promoveu uma visita técnica para jornalistas de turismo e guias à um novo roteiro que está sendo preparado: Um dia em Pilar nas Aventuras de Zé Lins do Rêgo. A ideia é formatar uma nova rota turística nos oito municípios citados pelo renomado escritor em suas obras. E Pilar será o início, como berço de José Lins. Visitamos a Fundação Menino de Engenho, que funciona no histórico prédio que foi Câmara e Cadeia. O menino Zé Lins conversava com os presos através das grades da cadeia, e, de um deles, ganhou um passarinho chamado Marechal. A prisão fica bem em frente à Casa de Tia Naninha, que Zé Lins frequentava. 

O roteiro incluiu visita à Praça José Lins do Rêgo, onde está um busto do autor, e que foi inaugurado pelo próprio, na companhia de ninguém menos que Raquel de Queiroz, Gilberto Freire e José Américo. No passeio a pé, pois tudo é bem perto, fomos ao Sobrado de Quincas Napoleão, atacado pelo cangaceiro Antônio Silvino - a Casa dos Jesuítas, bela em sua arquitetura de 1745, e a Igreja Matriz Dell Pilar. 

Na pausa para o almoço, um momento de relaxamento debaixo de um pé de manga no Casarão dos Lins, pertencente aos parentes de Zé Lins. Foi servido suco de tamarindo...há quanto tempo! Comidas regionais como galinha de capoeira, vaca atolada, buchada, doces de frutas caseiro, ao som de um legítimo côco de roda e apresentações de xaxado.

Mas o ponto alto da visita técnica foi a chegada ao Engenho Corredor. Visitei o engenho quando estava em ruínas, e não entendo como passou tanto tempo assim. Louvo a iniciativa dos proprietários em restaurá-lo e abrir para visitação. Construído pelo avô de Zé Lins no século XIX, o lugar é um testemunho da história do Brasil, do nordeste e da Paraíba. Foi lá que nasceu o grande escritor e foi o engenho fonte de inspiração para o autor de Menino de Engenho e Doidinho.

Esse roteiro ainda está sendo aperfeiçoado e, na minha análise técnica, indiquei algumas lacunas observadas na viagem. Os condutores locais precisam explorar mais a grandeza do escritor para valorizarem a visita aos lugares de sua infância, imortalizados na sua obra. Mas começar é preciso, então, ponto para o Sebrae, para a consultora Fernanda Melo e todos envolvidos no projeto. Vamos conhecer mais a nossa história para reproduzi-la e amá-la. Agendamento de visitas Engenho Corredor (83) 98787 - 9705 e 9 8797 - 9705 Email: corredorengenho@gmail.com

Autoria: Rosa Aguiar

Rosa Aguiar é jornalista, especialista em Redação Jornalística, mestre em Jornalismo Profissional pela UFPB e ex-secretária da Associação dos Jornalistas de Turismo (Abrajet) . Não vive sem viajar e escreve sobre turismo há mais de dez anos, defendendo os valores paraibanos, nossas belezas e potencial.

______________________________________________________________________________

MAIS FOTOS DA VISITA









Veja mais fotos de Pilar e do engenho Corredor, neste link: 



domingo, 4 de dezembro de 2016

O POETA DAMIÃO RAMOS CAVALCANTI


Damião Ramos Cavalcanti nasceu na cidade de Pilar - PB, em 24 de abril de 1949. Passou parte da sua infância em Itabaiana, quando, com seus 11 anos, foi estudar na cidade de João Pessoa, onde reside atualmente. Em 1966, viajou à Itália, onde, em Roma, realizou seus estudos de graduação e pós-graduação em Filosofia; em Paris, posgraduou-se em Sociologia da Educação pela Sorbonne, de 1978 a 1983. Professor da Universidade Federal da Paraíba, desde 1973, onde prestou uma larga folha de serviço como docente e dirigente. Participou da criação da UEPB em Guarabira, da UNIPÊ e da FESP em João Pessoa. Hoje, dedica-se a escrever seus livros, como membro da Ordem dos Advogados do Brasil - OAB; da Academia Paraibana de Cinema - APC; da Associação Paraibana de Imprensa - API e da Academia Paraibana de Filosofia - APF. É advogado, escritor, poeta, cronista e Presidente da Academia Paraibana de Letras - APL.  
(Fonte: www.drc.recantodasletras.com.br)






Honra-me muito ter o poeta Damião Ramos Cavalcanti como amigo particular. Sempre prestativo e cordial, atendeu aos convites para participar de eventos culturais em nossa região. Participou da fundação da Academia de Cordel do Vale do Paraíba e tem dado relevante apoio à nossa instituição. Olho para ele e não visualizo, apenas, o mestre Dr. Damião, o professor universitário, o poliglota, o advogado e o teólogo, mas, principalmente, e por mérito dele, meu conterrâneo e amigo poeta.




A sua humildade é tanta que me chega a surpreender. Às vezes meu telefone toca, é ele querendo combinar uma visita à Pilar, ou Itabaiana, às duas cidades que tanto ama, para rever amigos e o ambiente onde passara sua infância. Aproveitando o ensejo também para saborear as comidas típicas da região, que remetem, evidentemente, ao seu tempo de menino neste vale paraibano.

Algumas curiosidades é que nascemos no mesmo dia e mês: em 24 de abril. E por consciência, ou providência divina, além de pilarenses também somos filhos adotivos de Itabaiana. 



É sem dúvida alguma uma honra para terra de José Lins do Rego e do mestre Sivuca, ter Damião como filho e atualmente presidente da Academia Paraibana de Letras e da Fundação Casa de José Américo de Almeida.

Desejo todo sucesso do mundo ao meu amigo poeta!

Que Deus continue lhe abençoando e lhe conservando com essa humildade extraordinária.

Antonio Costta.

------------------------------------




AS LAVADEIRAS DE PILAR
No rio do meu Pilar,
Por onde elas passam,
Iguais, iguais às águas,
Lavam roupas na cacimba.
As sujas elas lavam,
As torcidas elas enxáguam,
Batendo as molhadas
Na pedra dos meus pulos.
Espremem entre espumas
Algumas nódoas retintas,
O sabão e suas mãos,
Com dedos em feridas
E um muito sofrido,
De tantos trabalhos idos.
Espiam os banhantes,
Logo atrás dos arbustos,
Na sombra, no meio escuro,
Homens sem roupa,
Que também lavam inteiros,
Todos os seus corpos nus.
A água os faz brilhantes,
Homens, partes, desejos,
Seios, olhares, ensejos
Das lavadeiras amantes.

Damião Ramos Cavalcanti

HINO OFICIAL DE PILAR

Devemos valorizar nossos artistas enquanto estão vivos

Clique na imagem

MATRÍCULAS ABERTAS

MATRÍCULAS ABERTAS
NA SOFT WORLD INFORMÁTICA - EM ITABAIANA - FONE: (83) 9186-5519

MATRÍCULAS ABERTAS PARA OS NOVOS CURSOS DA SOFT (ASSISTA AO VÍDEO)